Programa Mulheres Mil oferta curso na Comunidade Indígena Maturuca

por Anderson Caldas publicado 19/05/2015 22h25, última modificação 19/05/2015 22h25
Desde dezembro de 2014, o Instituto Federal de Roraima/Câmpus Amajari (IFRR/CAM), por meio da Coordenação do Programa Pronatec/Mulheres Mil, realiza o curso de “Artesã de Artigos Indígenas” na comunidade indígena do Maturuca, localizada no município de Uiramutã-RR e a 258 quilômetros de Amajari. Ao todo , 25 mulheres estão sendo capacitadas pelo programa.

Desde dezembro de 2014, o Instituto Federal de Roraima/Câmpus Amajari (IFRR/CAM), por meio da Coordenação do Programa Pronatec/Mulheres Mil, realiza o curso de “Artesã de Artigos Indígenas” na comunidade indígena do Maturuca, localizada no município de Uiramutã-RR e a 258 quilômetros de Amajari. Ao todo, 25 mulheres estão sendo capacitadas pelo programa.

Com carga horária de 200 horas, o curso tem previsão de finalizar no mês de junho e tem o objetivo de valorizar a cultura indígena, bem como levar o conhecimento para os povos que moram em localidades de difícil acesso.

A oferta do curso representa levar educação profissional e tecnológica aos lugares que mais necessitam de qualificação, como destaca coordenadora do Programa Mulheres Mil, Pierlângela Cunha. “Essa é a primeira experiência do programa em uma comunidade indígena de difícil acesso. Com isso, esperamos aprimorar a prática das peças artesanais indígenas, para que tenham mais valor agregado e, ainda, maior qualidade”, conclui.