Curso superior de Tecnologia em Gestão do Turismo obtém nota 4 em avaliação do MEC

por Virginia publicado 09/08/2017 17h40, última modificação 22/08/2017 16h14
“Estou muito orgulhosa com o resultado, mas não seria diferente, pois é resultado do esforço conjunto. Professores e estudantes dão o melhor de si para a instituição”, disse a acadêmica do 4.º módulo do curso superior de Tecnologia em Gestão do Turismo do Campus Boa Vista do Instituto Federal de Roraima (CBV-IFRR) Beatriz Cristina França dos Santos, na manhã desta terça-feira, dia 9, ao saber da nota obtida pelo curso

“Estou muito orgulhosa com o resultado, mas não seria diferente, pois é resultado do esforço conjunto. Professores e estudantes dão o melhor de si para a instituição”, disse a acadêmica do 4.º módulo do curso superior de Tecnologia em Gestão do Turismo do Campus Boa Vista do Instituto Federal de Roraima (CBV-IFRR) Beatriz Cristina França dos Santos, na manhã desta terça-feira, dia 9, ao saber da nota obtida pelo curso.

A aluna enfatiza que, como qualquer instituição de ensino, existem aspectos que precisam ser aperfeiçoados, como o acesso livre e ininterrupto à internet e também a acessibilidade, mas diz que essas necessidades estão sendo aos poucos atendidas pela gestão e não chegam a influenciar negativamente na qualidade do ensino ofertado. “A nota recebida é um diferencial para quem estuda no IFRR e também para quem é egresso, pois comprova que evoluímos cada vez mais”, completou.

Assim como Beatriz, gestores, professores e acadêmicos comemoraram o resultado da avaliação para renovação de reconhecimento do curso, que obteve nota 4, correspondente ao conceito “satisfatório”. A comissão responsável pela avaliação, composta pelos professores Tatiana de Freitas Luchezi, da Universidade Nove de Julho (SP), e Osmar Fantinato, da Faculdade Eniac, de Guarulhos (SP), esteve no CBV no período de 31 de julho a 2 de agosto.

Outra aluna que ficou entusiasmada com o resultado foi Lisa Ohana de Souza Cirilo, do 5.º módulo. “Esse resultado representa muito principalmente para quem ainda está em formação, pois estudar em uma instituição de qualidade, como é o IFRR, nos abre portas no mercado de trabalho”, disse.

Avaliação - A avaliação para renovação de reconhecimento dos cursos superiores é realizada pelo Ministério da Educação (MEC) com instrumentos elaborados, de forma conjunta, pela Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes) e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Durante o processo de avaliação, a comissão realiza diversas reuniões com a equipe gestora, com a coordenação do curso, com os alunos, com os professores e com os integrantes de comissões, a exemplo da Comissão Própria de Avaliação (CPA). Além disso, realiza visitas às dependências do campus, incluindo setores administrativos e pedagógicos, salas de aula e laboratórios, e também analisa documentos institucionais.

O curso –  O curso de Tecnologia em Gestão do Turismo no IFRR foi autorizado em 2002,  reconhecido em 2008 e passou pela primeira renovação de reconhecimento em 2011. Desta vez, o resultado satisfatório, percebido como fruto de um esforço conjunto do grupo gestor, dos docentes e dos estudantes, retrata as mudanças implementadas, tanto na parte pedagógica quanto na estrutural e de pessoal docente, que refletiram na melhoria de todos os aspectos avaliados, culminando no conceito obtido.

Para a diretora-geral do CBV, professora Joseane de Souza Cortez, o processo de avaliação representa uma análise criteriosa do desenvolvimento do curso e ter atingido um conceito significativo demonstra o empenho de todos aqueles que fazem do ensino o caminho da excelência. “Este resultado representa um incentivo para caminharmos cada vez mais pelo aprimoramento dos cursos oferecidos pelo campus. Parabenizo os gestores do ensino superior e os demais envolvidos, como docentes, técnicos e estudantes, que se empenharam no processo de construção e desenvolvimento do curso”, disse a gestora.

IMG_8296.JPG
As professoras Cristiane Pereira e Luciana Vitório com as acadêmicas Lisa Ohana e Beatriz França.

A diretora do Departamento de Graduação (DEG), professora Cristiane Pereira de Oliveira, ressalta que a nota é resultado do trabalho em equipe (da gestão, dos professores e dos alunos) aprimorado ao longo dos anos. Ela destacou a oficina ministrada pela professora Maria Neusa de Lima Pereira, diretora de Políticas de Ensino de Graduação, com o intuito de preparar o corpo docente do curso para receber os avaliadores. “Hoje temos uma preparação para receber essas comissões, e isso reflete a preocupação institucional com esse momento tão importante. Agradeço de forma especial à professora Luciana, que não poupou esforços para reunir documentos, por meio de um resgate histórico preciso e organizado, e a todos os demais envolvidos direta ou indiretamente com o processo de avaliação. Agora iremos nos empenhar para alcançar a nota 5, que condiz com marca de excelência que tanto buscamos consolidar”, enfatizou.

Segundo a coordenadora do curso, professora Luciana de Souza Vitório, que acompanhou de perto a comissão nos trabalhos de avaliação, os desafios que lhe foram impostos logo quando assumiu a coordenação do curso, em fevereiro deste ano, serviram como incentivo para o trabalho. “Logo no início fui informada de que passaríamos pela avaliação e procurei me empenhar na organização de documentos e na sensibilização de todos, servidores e alunos, quanto à importância do processo de renovação do reconhecimento. A história do curso de turismo é bem interessante, porque se confunde com a própria história do IFRR, quando de sua transformação em centro federal, o antigo Cefet ,e por isso é tão rica e importante para nossa instituição. Nesse percurso avaliativo, ressalto a figura da professora Cristiane, que, com sua experiência, contribuiu, de forma significativa, para o sucesso alcançado, assim como os gestores, os professores e os demais servidores, que também contribuíram e ainda contribuem para a construção da história do curso, além dos estudantes, que têm demonstrado perseverança. Tínhamos consciência de que não alcançaríamos a nota máxima, mas, por toda a nossa dedicação e compromisso, estamos muito satisfeitos”, relatou.

O resultado também foi comemorado pelos gestores na Reitoria do IFRR, que acompanham e auxiliam na execução das políticas de ensino de graduação. “Parabenizo toda a equipe do curso superior de Tecnologia em Gestão do Turismo do Campus Boa Vista pela nota 4 obtida na avaliação do Inep. Isso é um orgulho para a nossa instituição, pois, além de contribuir para dar maior visibilidade ao IFRR, representa o resultado de um trabalho sério, comprometido e de qualidade, e demonstra que estamos no caminho certo”, destacou a reitora em exercício, professora Fabiana Letícia Sbaraini.

 

Virginia Albuquerque
CCS/Campus Boa Vista
Foto: Marcos Sá
9/8/2017