MATEMÁTICA EM FOCO – IFRR tem representação expressiva no II Encontro de Matemática e na X Semana de Matemática de Roraima

por Virginia publicado 11/11/2016 15h00, última modificação 11/11/2016 15h01
Cerca de 20 acadêmicos e cinco professores do curso superior de Licenciatura em Matemática do Campus Vista Centro (CBVC) encerram, nesta sexta-feira, dia 11, a participação no II Encontro de Matemática de Roraima e na X Semana de Matemática, que têm como tema “Compartilhando Experiências Matemáticas”. Nas edições anteriores, o CBVC também teve representação, mas, nesta edição, a participação se deu de forma mais efetiva, com o apoio na organização.

Cerca de 20 acadêmicos e cinco professores do curso superior de Licenciatura em Matemática do Campus Vista Centro (CBVC) encerram, nesta sexta-feira, dia 11, a participação no II Encontro de Matemática de Roraima e na X Semana de Matemática, que têm como tema “Compartilhando Experiências Matemáticas”.

Nas edições anteriores, o CBVC também teve representação, mas, nesta edição, a participação se deu de forma mais efetiva, com o apoio na organização.

Além da participação da professora Nilra Jane Figueira na mesa-redonda “Pesquisa em Educação Matemática”, no último dia 8, terça-feira, no auditório do Centro de Ciência e Tecnologia da UFRR, o CBVC levou para a programação a oficina sobre o “Uso do Geogebra”, ministrada pelo professor Joerk Oliveira da Silva; o minicurso sobre “Jogos Matemáticos”, ministrado pelos acadêmicos integrantes do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid), sob a orientação do professor Adnelson Jati; além das exposições no Museu da Matemática.

Para o professor Douglas Enison Cardoso da Silva, coordenador do curso de Licenciatura em Matemática, a participação no evento representa, sobretudo, uma rica oportunidade para a troca de experiências. “A maior importância é a interação com os alunos de outras instituições, que servem como fator decisivo para a ampliação do conhecimento matemático. Por meio de práticas como essas, os acadêmicos conseguem perceber a Matemática com outros olhares e confirmar que estamos no caminho certo”, enfatizou o professor.

A troca de experiências em eventos locais, regionais e nacionais tem confirmado, ao longo dos últimos anos, que na Rede Federal também se formam professores de Matemática nos mesmos padrões das universidades e os profissionais e os estudantes dos institutos podem dialogar com o público de outras instituições, levando novos conhecimentos e informações, oriundos de estudos e pesquisas, que irão dinamizar as práticas pedagógicas dos futuros docentes.

 

Virginia Albuquerque

CCS/Campus Boa Vista Centro

11/11/2016