CBVZO promove encontro com pais de estudantes para discutir trabalho infantil

por Sheneville Cunha de Araújo publicado 12/06/2018 07h18, última modificação 12/06/2018 07h18
Encontro da Assistência Estudantil do CBVZO visa prevenir a evasão escolar e combater o trabalho infantil na zona oeste
CBVZO  promove encontro com  pais de estudantes para discutir trabalho infantil

A intenção é sensibilizar pais ou responsáveis por esses adolescentes sobre a importância de combater o trabalho nessa fase e focar na escola

 

Na tarde desta terça-feira, dia 12, a partir das 15 horas, Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil, a Codaea (Coordenação de Apoio ao Ensino e Aprendizagem), por meio do Serviço Social do CBVZO (Campus Boa Vista Zona Oeste), do IFRR (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia) reúne pais e responsáveis pelos alunos matriculados na unidade de ensino para tratar do tema proposto pela data.

Trata-se do 1º Encontro da Assistência Estudantil do CBVZO, que tem como público-alvo principal as famílias que têm estudantes contemplados com o Auxílio Alimentação e Transporte, concedidos pelo programa de Assistência Estudantil do campus.

“Esse encontro foi programado tendo em vista que o maior número de evasão escolar na adolescência está em lares em situação de vulnerabilidade social. Dessa maneira, a intenção é sensibilizar os pais ou responsáveis por esses adolescentes sobre a importância deles evitarem o trabalho antes da idade adequada e da maneira adequada para a faixa etária, e se dedicarem ao estudo”, explicou a assistente social do campus, Elisangela Monção Miné.

O tema da campanha deste ano, proposto pelo FNPeti (Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil), é “Não proteger a infância, é condenar o futuro. E a assistente social explica que o CBVZO busca trabalhar dentro das diretrizes determinadas pela legislação federal que institui a mobilização pelo combate ao trabalho infantil, a Lei 11.542/2007.

“O encontro faz parte do planejamento do Serviço Social do campus e o tema proposto a ser trabalhado com pais ou responsáveis é de constante necessidade se queremos mudar a realidade e manter nossas crianças e adolescentes na escola, e fora das ruas e de outros ambientes que prejudiquem a infância. Trabalhamos com a prevenção”, declarou.

 

Sheneville Araújo

Foto: Gildo Jr

CCS/CBVZO-IFRR

12.6.2018

« Dezembro 2018 »
month-12
Se Te Qu Qu Se Sa Do
26 27 28 29 30 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6
  

inscreva_se aqui 2017_1