ZONA OESTE - Encontro Pedagógico termina com perspectivas de alcançar resultados positivos com estudantes

por Sheneville Cunha de Araújo publicado 18/03/2016 18h00, última modificação 21/03/2016 11h41
Este ano o público atendido pelo Campus Boa Vista Zona Oeste aumenta com a disponibilização da modalidade de ensino técnico integrado ao médio
ZONA OESTE - Encontro Pedagógico termina com perspectivas  de alcançar resultados positivos com estudantes

Técnicos e professores estiveram reunidos por dois dias para planejar ações e se preparar para receber um novo público na unidade de ensino/ Foto: Gildo Júnior

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foram dois dias intensos de trabalho e discussões: técnicos e professores do CBVZO (Campus Boa Vista Zona Oeste) do IFRR (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima), que atende à comunidade do conjunto Cidadão e adjacências, se reuniram no primeiro Encontro Pedagógico do ano, que abordou o tema Os Desafios da Formação Integral. Isso porque, em 2016, o campus começa as atividades com uma novidade. Além de atender os estudantes da modalidade de ensino técnico subsequente, frequentada por adultos, a unidade educacional passará a receber alunos da modalidade de ensino técnico integrado ao médio, sendo a maioria composta por adolescentes do bairro e proximidades.

Para garantir que a qualidade de ensino permaneça como um dos pontos de referência do IFRR, o corpo docente e técnico do CBVZO se dedicou, esta semana, a planejar as ações que serão desenvolvidas a partir de agora e se preparar para atender esse novo público, traçando, em conjunto, as linhas e as diretrizes pedagógicas a serem aplicadas.

Para o professor Isaac Sutil, o encontro pedagógico é um evento de grande relevância, pois trata-se de um momento de planejar e organizar as ações que serão desenvolvidas durante o ano, com foco no alcance das metas estabelecidas, que é a aprendizagem do aluno. “É neste evento que discutimos e refletimos sobre as ações, conjuntas e individuais, que devem ser realizadas para o sucesso da proposta pedagógica definida para o campus, e que nos planejamos e nos preparamos para o que pode ou não acontecer no decorrer desse período de aprendizagem. Tudo sempre com foco no aluno, que, este ano, passará a ter um perfil diferenciado, pois passaremos, além de adultos, a trabalhar com alunos adolescentes, aos quais dedicaremos outro tipo de abordagem dentro da metodologia desenvolvida no IFRR”, observou.

A diretora-geral do CBVZO, Maria Aparecida Alves de Medeiros, avaliou o encontro como um evento muito proveitoso, pois foi um dos momentos em que o quadro funcional da unidade de ensino, reunindo estudantes e técnicos, pôde traçar os caminhos necessários para manter a qualidade do ensino que o IFRR vem oferecendo ao longo dos anos em Roraima, tornando-se referência para a população, e planejar ações para aumentar a eficiência desse ensino oferecido, de maneira a manter o aluno no instituto, passando por todas as modalidades que são oferecidas e entregando um profissional altamente preparado ao mercado local.

“A expectativa agora é que tudo o que foi discutido e planejado possa ser posto em prática e nós possamos alcançar o êxito, que é oferecer uma formação de qualidade aos estudantes e, ao mesmo tempo, trabalhar com eles, além da sala de aula, oferecendo ações e projetos que os ajudem a mudar a concepção de vida e a aumentar as perspectivas profissionais e sociais de toda a comunidade onde estamos inseridos”, destacou.

ENCONTRO PEDAGÓGICO – Além das discussões e do trabalho de planejamento, durante o evento foi realizada a palestra de abertura “A educação profissional e tecnológica x desafios do ensino médio integrado”, promovida pela Proen (Pró-Reitoria de Ensino) do IFRR. Também ocorreu a apresentação do Perfil dos Estudantes do CBVZO e a apresentação e discussão da Proposta Pedagógica do CBVZO para o Ensino Médio Integrado.

Além disso, foram apresentados e discutidos o Plano Anual de Trabalho do Ensino, da Pesquisa e da Extensão, o Calendário Escolar, a lotação de professores, o planejamento de ensino e os horários das aulas, e realizada uma oficina do Q-Acadêmico, ferramenta disponível no site do IFRR, voltada para a navegação dos estudantes do instituto, que visa facilitar a vida acadêmica deles durante o período dos cursos.

As ações planejadas nos dois dias de evento foram voltadas para a participação dos estudantes em projetos e programas de nivelamento escolar, monitoria voluntária, artes e atividades desportivas, preservação da saúde e respeito à diversidade, entre outras de inclusão social.

 

 

SHENEVILLE ARAÚJO

CCS/CBVZO

18/3/16

 

 

 

« Dezembro 2016 »
month-12
Se Te Qu Qu Se Sa Do
28 29 30 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31 1
  

calend_acad_2016

inscreva_se aqui 2017_1

Organograma CBVZO