Fórum de Integração do IFRR debate papel da instituição na sociedade

por Sheneville Cunha de Araújo publicado 28/11/2016 21h45, última modificação 29/11/2016 14h23
registrado em:
O evento vai até 4ª feira, dia 30, com mais de 200 atividades voltadas para a integração dos campi e para a discussão de melhorias na educação profissional de Roraima
Fórum de Integração do IFRR debate papel da instituição na sociedade

A solenidade oficial de abertura foi realizada no auditório do Campus Boa Vista Centro, que sedia a 5ª edição do Forint

Com o tema “Integrando saberes: o sentido e a identidade do IFRR”, a 5ª edição do Fórum de Integração do Instituto Federal de Roraima  (Forint)  busca discutir este ano como a instituição vem desempenhando o papel de promover a educação profissional de qualidade em Roraima e o que é preciso superar para que os resultados sejam ainda mais produtivos para o estado.

Na solenidade de abertura oficial, a reitora do IFRR, professora Sandra Mara Bortelho, lembrou o cenário de crise que o País está vivenciando e destacou que o evento é um momento de aproveitar as oportunidades para que, de forma integrada,  todos os campi do IFRR, que compõem a Rede Federal de Educação Profissional em Roraima, possam desenvolver cada vez mais ações e serviços que contribuam para o desenvolvimento de Roraima.

“Mesmo no momento delicado que estamos vivendo, é possível crescer, porque é em situações como esta que mais precisamos parar para tentar desenvolver um olhar diferenciado sobre o que estamos fazendo. Tenho certeza de que, nestes dias do evento, todos juntos, professores, alunos, diretores, coordenadores, técnicos, estaremos trabalhando para repassar nossas práticas e transformar em resultados melhores para a educação do nosso estado”, declarou.

O presidente da Comissão Organizadora, professor Tomás Armando del Pozo Hernández, confirmou as declarações da reitora e destacou a importância da união de todos  os campi para passar pelo momento de crise do País e tornar o IFRR mais forte, com resultados efetivos para a sociedade de Roraima.

“No Forint, promovemos um espaço adequado para discussões sobre o que estamos fazendo realmente de importante para a sociedade, que problemas temos que enfrentar para melhorar e qual o nosso papel no que diz respeito a contribuir com a população. É importante então que todos, unidos, participem e promovam uma integração de saberes e colaboração para entregar um produto de qualidade para a sociedade: uma educação profissional de referência do Estado de Roraima e no Brasil”, destacou Hernández.

A diretora-geral do Campus Boa Vista Centro (CBVC), professora Joseane Cortez, disse acreditar nos resultados que serão gerados na 5ª edição do Forint, que já, no início, tem demonstrado, em cada apresentação e exposição, o que o IFRR vem realizando em todo o estado e o que está sendo feito para melhorar ainda mais essas ações.

“Este evento é o momento de apresentar um balanço de todas as atividades do instituto e, com base nessa análise, refletir sobre como devemos passar a atuar para garantir um ensino de qualidade, com serviços e produtos que atendam às demandas da sociedade”, comentou, destacando que promover melhorias nessa área é obrigação da rede de ensino pública.

Mas a abertura oficial do evento não contou apenas com pronunciamento. Já partiu para o início das discussões com a palestra inicial, proferida pela professora mestra do IFRR Maria Neuza de Lima Pereira, que abordou o tema “Desafios e perspectivas para consolidação da identidade do Instituto Federal”.

Ela destacou que o cenário que seria apresentado para os participantes do evento não traria nenhuma novidade, mas a oportunidade para que todo o contexto em que a educação profissional está inserida e em que o IFRR está envolvido seja discutido e fortalecido, visando consolidar o IFRR como instituição de referência na área da educação profissional e tecnológica no estado e em todo o País.

Nesta terça-feira, dia 29, segundo dia do evento, além das diversas oficinas, salas temáticas e mesa-redonda, será iniciada a Mostra Tecnológica do IFRR, com apresentação de 14 projetos desenvolvidos para beneficiar áreas variadas no estado. A mostra será realizada das 9h às 12 horas, no hall da Coordenação de Assistência Estudantil (Caes) do CBVC.


SHENEVILLE ARAÚJO
Assessoria/V Forint
Fotos: Erick Vieira
29/11/16