IFRR deverá implantar incubadora de empresas

por Laura publicado 22/03/2016 13h05, última modificação 22/03/2016 13h08
O Instituto Federal de Roraima (IFRR), por meio do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT), dá mais um passo rumo ao fortalecimento das ações de Empreendedorismo e de Inovação na instituição, com a construção do regulamento da incubadora de empresas.

O Instituto Federal de Roraima (IFRR), por meio do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT), dá mais um passo rumo ao fortalecimento das ações de Empreendedorismo e de Inovação na instituição, com a construção do regulamento da incubadora de empresas.

Para auxiliar nesse processo, o IFRR conta com a presença da gestora sistêmica da AYTY, a incubadora de empresas do Instituto Federal do Amazonas, Maria Goretti Falcão, que colabora, nos dias 22 e 23 de março, com informações sobre a estruturação, a implantação e os procedimentos de gestão de uma incubadora desse gênero.

Na manhã desta terça-feira (22), a gestora da AYTY iniciou as atividades com uma palestra sobre o tema O caminho para seu próprio negócio, da qual participou uma equipe de servidores da Reitoria e dos campi. Na oportunidade, ela falou sobre o processo de certificação, as áreas de atuação, os serviços prestados e as políticas de entrada e de saída relativas à incubadora de empresas.

IMG_1635.JPG
A gestora sistêmica da AYTY, Maria Goretti Falcão.

“A lei 13.243 prevê que os Institutos Federais adotem medidas como a incubadora de empresas, que é um importante mecanismo de transferência de tecnologia à comunidade e de geração de empregadores. Afinal, uma das ideias da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica é justamente fazer pesquisa aplicada, através de meios como as empresas abrigadas pelos Institutos Federais, de modo a gerar soluções e proporcionar emprego e desenvolvimento para a região onde atuam”, explicou Maria Goretti Falcão.

O reitor do IFRR, Ademar de Araújo Filho, destacou que a iniciativa reflete o compromisso da instituição com a expansão de suas ações à comunidade. “Para tanto, é imprescindível o fortalecimento da nossa rede de parcerias, para que possamos garantir a prestação do devido apoio logístico, gerencial e tecnológico, bem como a infraestrutura necessária para o efetivo funcionamento de uma incubadora de empresas”, complementou.  

A programação com a gestora da AYTY continua na tarde desta terça-feira (22) e durante a quarta-feira (23), com diálogos sobre os aspectos sistêmicos, o Regimento Interno, o Plano de Negócios, os meios legais necessários à implantação de uma incubadora de empresas, entre outros assuntos.

A coordenadora do NIT, Ângela Maria de Oliveira, informou que a comissão responsável pela construção do regulamento da incubadora de empresas do IFRR será reconstituída. Portanto, os servidores da instituição que tiverem interesse em integrar a nova equipe, podem entrar em contato pelo e-mail nit@ifrr.edu.br.  

 

Laura Veras

CCS/Reitoria

22/03/2016

« Dezembro 2016 »
month-12
Se Te Qu Qu Se Sa Do
28 29 30 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31 1