IFRR realiza etapa do Programa Saberes Indígenas

por Anderson Caldas publicado 20/08/2015 12h50, última modificação 20/08/2015 12h54
Desde a segunda-feira (17), o Comitê de Políticas Indígenas do Instituto Federal de Roraima (IFRR) realiza o 4° Módulo do Programa Ação Saberes Indígenas, na sala de Reuniões da Reitoria da instituição. A atividade segue até a quinta-feira (20) e objetiva a produção de material escrito para alfabetização e numeramento da língua Ingarikó.

Desde a segunda-feira (17), o Comitê de Políticas Indígenas do Instituto Federal de Roraima (IFRR) realiza o 4° Módulo do Programa Ação Saberes Indígenas, na sala de Reuniões da Reitoria da instituição. A atividade segue até a quinta-feira (20) e objetiva a produção de material escrito para alfabetização e numeramento da língua Ingarikó.

O encontro é realizado nos turnos matutino e vespertino, em que participam cerca de 30 professores da comunidade Ingarikó, região da Serra do Sol, município de Uiramutã-RR. O próximo módulo da ação acontecerá na própria região, onde deverá ser apresentado a cartilha de alfabetização na língua indígena. A previsão é que em novembro deste ano o material didático seja impresso e distribuído. 

A professora Elizabete Melo Nogueira afirma que o material produzido é de suma importância para a preservação da língua. “Há muito anos as comunidades indígenas tem reclamado que o material didático ofertado não condiz com a realidade dos povos indígenas. Nesse sentido, essa cartilha pretende ter o sentimento, a identidade, a memória, os valores do povo Ingarikó, o que contribuirá para o ensino e aprendizado da língua”, afirmou a professora.   

O Programa – A Ação Saberes Indígenas é desenvolvido pela Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (SECADI/MEC). O programa em Roraima faz parte de uma rede coordenada pelo IFRR, em que participam a Universidade Federal de Roraima (UFRR), Universidade Estadual de Roraima (UERR) e Secretaria Estadual de Educação e Desporto (Seed).

No IFRR, a ação é realizada pelas professoras Roseli Bernardo (coordenadora), Elizabete Melo (supervisora), e Raimunda Rodrigues (coordenadora de conteúdo), bem como o técnico em assuntos educacionais Francisco Alves (coordenador adjunto). Além da etnia Ingarikó, o programa atende também os povos de etnia Macuxi, Wapixana e Taurepang.

« Dezembro 2016 »
month-12
Se Te Qu Qu Se Sa Do
28 29 30 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31 1